Fernando Pessoa: O Cientista de Depois de Amanhã

Autor:  Caio Gagliardi

 

Este artigo propõe uma abordagem do poema “Análise” (1911), de Fernando Pessoa, visando demonstrar como o texto engendra, sob o disfarce lírico-amoroso, e através de sua aproximação com o Livro do desassossego, uma das mais altas sínteses do pensamento desdobrado e da poética da inteligência que singularizam o lirismo reflexivo de seu autor

Mais informação / Additional Info

  • Title: Fernando Pessoa: The After Tomorrow Scientist
  • Abstract: This paper proposes an approach to the poem "Análise" (1911), by Fernando Pessoa, aiming at demonstrating how the text generates, under the mask of a love poem, and through their approach to the Livro do desassossego, one of the highest synthesis of unfolded thought and the poetic of intelligence which singularize the speculative lyricism of its author.
  • Tags: Fernando Pessoa Análise Livro do desassossego
Modificado em Terça, 06 Março 2012 17:22

Caio Gagliardi

O Doutor Caio Gagliardi é professor na área de Literatura Portuguesa, no Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas da Universidade de São Paulo (USP); Pós-Doutor pelo Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada da USP; Mestre e Doutor pelo Departamento de Teoria e História Literária da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Contacto:
Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP). Av. Prof. Luciano Gualberto, 403 CEP: 05508-900 - Cidade Universitária, São Paulo – SP, Brasil

Website: www.dlcv.fflch.usp.br/

O último publicado por Caio Gagliardi

ficha

Agália. Revista de Estudos na Cultura

ISSN: 1130-3557.
Depósito Legal: C-250 - 1985 (versão impressa)
Edita:
Associaçom Galega da Língua (AGAL)
URL:
http://www.agalia.net
endereço-eletrónico: revista
@agalia.net
endereço postal:
R/ Santa Clara nº 21, 15704 Santiago de Compostela (Galiza)
Periodicidade Semestral (números em junho e dezembro)
Diretores: Roberto Samartim e Felisa R. Prado
Indexada nas bases de dados de dialnet e da CAPES