A herança dos irmãos Grimm na literatura juvenil contemporânea: a “chick lit” e as princesas do novo milénio

Autora:  Maria da Conceição Tomé e Glória Bastos

No final do século XX e primeira década do XXI, surgiram em Portugal coleções e títulos dirigidos de forma particular às adolescentes, inseridos na tendência literária designada por “chick lit”. Neste artigo, pretende-se analisar de que forma estas narrativas, à semelhança dos contos de fadas, contribuem para a inculcação de valores patriarcais e para a formatação das atitudes das adolescentes em relação a si próprias, aos elementos do sexo oposto e ao casamento.

Tendo como corpus um conjunto de narrativas juvenis de autores portugueses inseridas nesta tendência literária e publicadas entre 1995 e 2010, procedeu-se à sua análise no contexto abrangente das relações que estabelecem com as normas sociais. O nosso estudo centrou-se nas personagens femininas, de forma particular no seu discurso e no seu perfil ideológico-cultural, bem como nas relações de género.

Verificou-se que a globalidade destes livros perpetuam estereótipos relacionados com a imagem e a submissão feminina, veiculando, à semelhanças dos contos dos irmãos Grimm, valores da ideologia patriarcal.

Mais informação / Additional Info

  • Title: The Legacy of Grimm Brothers in Contemporary Literature for Young Adults: “Chick Lit” and New Millennium Princesses
  • Abstract:

    At the end of the twentieth century and first decade of the new millennium, some collections and titles inserted in the literary trend known as “chick lit” appeared in Portugal, addressed, in particular, to teenagers. In this article, we intend to examine how these narratives, in some aspects similar to fairy tales, contribute to instill into their readers patriarchal values and to mold female attitudes towards the self, men and marriage.

    We have analysed “chick lit” narratives for young adults written by Portuguese authors between 1995 and 2010, in a broader context of their relations with social norms. Our study focuses on female characters, especially their speech and their ideological-cultural profile, as well as on gender relations.

    We conclude that these books perpetuate stereotypes related to image and female submission, conveying, as Grimm’s Tales, patriarchal ideology and values.

  • Tags: Young Adult Literature Adolescence Chick lit Fairy Tales
Modificado em Terça, 16 Abril 2013 16:02

ficha

Agália. Revista de Estudos na Cultura

ISSN: 1130-3557.
Depósito Legal: C-250 - 1985 (versão impressa)
Edita:
Associaçom Galega da Língua (AGAL)
URL:
http://www.agalia.net
endereço-eletrónico: revista
@agalia.net
endereço postal:
R/ Santa Clara nº 21, 15704 Santiago de Compostela (Galiza)
Periodicidade Semestral (números em junho e dezembro)
Diretores: Roberto Samartim e Felisa R. Prado
Indexada nas bases de dados de dialnet e da CAPES