Fim da primeira trilogia de António Lobo Antunes, Conhecimento do inferno (1980) encerra o ciclo da viagem até o fundo dos fundos. Conservando os espaços e mantendo um continuum com os livros Memória de elefante (1979) e Os cus de Judas (1979), o escritor vai, desta vez, mais além no sentido contestatório das coisas ao falar de dois infernos que refletem no mesmo espelho: a guerra colonial em África e a prática psiquiátrica em Lisboa, obsoleta e desumanizante. Este livro não trata do mundo da loucura, mas da angústia daqueles que se mantém submersos em corredores bolorentos, da indiferença, do desamor e de aves distorcidas, sem direitos nem esperanças.

Públicado em AGÁLIA 103

ficha

Agália. Revista de Estudos na Cultura

ISSN: 1130-3557.
Depósito Legal: C-250 - 1985 (versão impressa)
Edita:
Associaçom Galega da Língua (AGAL)
URL:
http://www.agalia.net
endereço-eletrónico: revista
@agalia.net
endereço postal:
R/ Santa Clara nº 21, 15704 Santiago de Compostela (Galiza)
Periodicidade Semestral (números em junho e dezembro)
Diretores: Roberto Samartim e Felisa R. Prado
Indexada nas bases de dados de dialnet e da CAPES