direção

Professor Doutor Roberto López-Iglésias Samartim
Departamento de Galego-Português, Francês e Linguística
Universidade da Corunha
Grupo Galabra
Universidade de Santiago de Compostela
(Galiza)

Roberto Samartim (Redondela, Galiza, 1971) é licenciado em Filologia Galega com prémio extraordinário (1998), Filologia Portuguesa (1998) e DEA [Mestrado] em Estudos Clássicos e Medievais (2000) pola Universidade de Santiago de Compostela (USC). Bolseiro de investigação do Instituto Camões (1999-2001) e da USC (2003-2005), foi professor visitante na Universidade de Vigo (2003) e, desde 2006, é professor no Departamento de Galego-Português, Francês e Linguística da Universidade da Corunha. No ano 2002 ganhou o Prémio Carvalho Calero de Investigação com A Dona do Tempo Antigo. Mulher e campo literário no Renascimento Português (1495-1557) (2003). Fai parte do grupo de investigaçom GALABRA —de Estudos nos Sistemas Culturais Galego-Luso-Brasileiro e Africanos de Língua Portuguesa— con centro na USC, onde integra o projeto «Fabricação e Socioalização de Ideias num Sistema Emergente durante um Período de Mudança Política (Galiza 1968-1982)». Publicou resultados deste projeto em forma de capítulos de livros, artigos em revistas e comunicações em congressos internacionais, enquadrando-se aqui também a sua tese de doutoramento, intitulada O Processo de Construçom do Sistema Literário Galego entre o Franquismo e a Transiçom (1974-1978): Margens, relaçons, estrutura e estratégias de planificaçom cultural (USC, 2010).
Currículo

 

conselho de redação

Professora Doutora M. Carmen Villarino Pardo
Grupo Galabra
Departamento de Filologia Galega
Faculdade de Filologia
Universidade de Santiago de Compostela
(Galiza)
Carmen Villarino Pardo (Oimbra, Galiza, 1969) é Doutora em Filologia e Professora especialista em Literatura Brasileira na Universidade de Santiago de Compostela. Secretária Geral da Associação Internacional de Lusitanistas (AIL) desde 2008, é membro do grupo Galabra (de Estudos nos Sistemas Culturais Galego, Luso, Brasileiro e Africanos de Língua Portuguesa) com sede nessa universidade galega. Integra, para além deste Conselho da Agália. Revista de Estudos na Cultura, os comités de redação ou científicos da VEREDAS. Revista da Associação Internacional de Lusitanistas, CADERNOS DE LITERATURA (Faculdade de Letras, Universidade Federal do Rio Grande do Sul), ESTUDOS DE LITERATURA BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA (Universidade de Brasília) e CONFLUENZE. Revista di Studi Iberoamericani (Universita di Bologna).
Currículo
Professor Doutor Pablo Gamallo Otero
Departamento de Língua Espanhola
Faculdade de Filologia
Universidade de Santiago de Compostela
(Galiza)
Pablo Gamallo Otero (Vigo, Galiza, 1969). Após o seu doutorado de Linguística defendido em 1998 na Université Blaise Pascal (França), trabalhou na Faculdade de Ciência e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa até 2004. Na atualidade é investigador Ramón y Cajal na Univesidade de Santiago de Compostela. As suas principais linhas de investigação estão ligadas ao Processamento da Língua Natural, nomeadamente à extração de informação e anotação de corpus (PoS tagging, parsing de dependências, ...). Ao respeito da produção científica, publicou 2 livros, 3 capítulos de livro, 35 artigos en revistas de alto factor de impacto (15 delas indexadas em ISI/JCR) e 33 contribuções a congressos (a maioria internacionais). Em total, 40 das suas publicações somam mais de 120 citas indexadas em Google Scholar, com um /h-index/ de 6. Por outro lado, tem mais de 10 participações em comités científicos, duas orientações de teses defendidas (e uma em curso), 5 projetos competitivos como investigador principal e 4 contratos de I+D empresa-universidade.
Currículo
Professora Doutora Rosa Verdugo Matês
Departamento de Economia Aplicada
Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais
Universidade de Santiago de Compostela
(Galiza)
Rosa Maria Verdugo Matês (Vigo, Galiza, 1969) é doutora em Ciências Económicas e Empresariais pola Universidade de Santiago de Compostela com a tese intitulada A indústria editorial en Galiza (1998). Profesora Contratada no departamento de Ciências Económicas e Empresariais dessa universidade galega, centra atualmente as suas investigações na economia aplicada e nas migrações, de onde resultam publicações tais como As migracións en Galiza e Portugal. Contributos desde as Ciencias Sociais (2006).
Currículo
Professor Doutor Luís Garcia Soto
Departamento de Lógica e Filosofia Moral
Faculdade de Filosofia
Universidade de Santiago de Compostela
(Galiza)
Luís Garcia Soto (Corunha, 1956) é Profesor Titular de Filosofia Moral na Universidade de Santiago de Compostela, na Faculdade de Filosofia. As suas linhas de pesquisa são: Filosofia Atual, Ética, Filosofia Política, Filosofia do Direito, Bioética.
Licenciado em Direito e em Filosofia, doutorou-se em Filosofia em 1986 com uma tese sobre Roland Barthes. Sobre este autor tem publicado o livro Outramente Barthes (Porto, 1988), coordenado os números monográficos da revista Nova Renascença nº54/55 “O retorno de Barthes-Le retour de Barthes” (Porto, 1994) e da revista Agora. Papeles de filosofía nº24-1 (Universidade de Santiago de Compostela, 2006), e publicado vários artigos. Na linha destes trabalhos, tem-se ocupado também das relações entre filosofia e literatura, centrando-se na literatura galega, e recentemente publicou O espírito da letra (Espiral Maior, Corunha, 2008).
No âmbito da ética e a política, além de sobre a paz, tem-se ocupado de autores clássicos (como Aristóteles) e contemporâneos (como Foucault), assim como do pensamento político galego (Castelao, Ramón Vilar Ponte, etc). Sobre Galiza coordenou o número monográfico da revista Nova Renascença nº72/73 “Homenagem à Galiza” (Porto, 2001). Publicou os livros Paz, guerra e violencia (Espiral Maior, Corunha, 2003), Aristóteles (Baía Edicións, Corunha, 2003), a tradução de G. Hottois e J.-N. Missa (dirs.), Nova enciclopedia de bioética (Universidade de Santiago de Compostela, 2005), e Paz, guerra y violencia (Espiral Maior, Corunha, 2006).
Curriculo
Professora Doutora M. Teresa López Fernández
Departamento de Galego-Português, Francês e Linguística
Universidade da Corunha
(Galiza)
Teresa López é Licenciada em Filologia Hispânica pola Universidade de Santiago de Compostela e Doutora en Filologia Hispânica (seção Galego-Português) pola Universidade da Corunha com Prémio Extraordinário. Professora titular de Filologias Galega e Portuguesa na Universidade da Corunha desde o ano 1998, exerce a docência na Faculdade de Filologia, da qual é Decana desde o ano 2005.
O seu trabalho de investigação está centrado na literatura galega contemporânea, especialmente nas relações entre a literatura medieval e a contemporânea, e na poesia de vanguarda no período 1916-1936. Entre as suas publicações, destacam os livros Névoas de antano. Ecos dos cancioneiros galego-portugueses na Galiza do século XIX (1991) –merecedor do I Prémio de Investigação Linguística e Literária Ricardo Carvalho Calero–, O neotrobadorismo (1997), Sementeira de ronseis. Cinco poetas da vangarda (2000) e as edições de Rua 26. Diálogo limiar (1996) de Álvaro Cunqueiro, d’A costureira d’aldea (2006) de Manuel Lugrís Freire e, em colaboração com Xoán López Viñas, d'O frade das dúas almas (2009) de Xosé Tobío Mayo.
Curriculo
Professor Doutor Carlos Velasco Souto
Departamento de Humanidades
Universidade da Corunha
(Galiza)
Carlos F. Velasco Souto (Tomeza, Ponte Vedra, 1958) é doutor em Geografia e História pola Universidade de Santiago de Compostela e professor titular de História Contemporânea na Universidade da Corunha.
Investigador especializado em movimentos sociais rurais na Galiza contemporânea, repressão franquista e memória histórica, é autor de vários livros e numerosos artigos em revistas especializadas. Entre as suas obras figuram A sociedade galega da Restauración na obra literária de Pardo Bazán (1875-1900) (Pontevedra, Gráficas Portela, 1987); Agitaçons campesinas na Galiza do século XIX (Santiago, Laiovento, 1995); Labregos Insubmissos (Santiago, Laiovento 2000); Galiza na II República (Vigo, A Nosa Terra, 2000); O Agrarismo Galego (Santiago, Laiovento, 2002); 1936 Repressom e Alçamento militar na Galiza (Vigo, A Nosa Terra, 2006); A represión franquista en Oleiros (1936-1950) (Oleiros, Trifolium, 2008).
Currículo

Professora Doutora M. Adriana Sousa Carvalho

Faculdade de Letras e Ciências Sociais

Universidade de Cabo Verde

(Cabo Verde)

Maria Adriana Sousa Carvalho é Professora Auxiliar e Pró-Reitora para a Graduação, Inovações, Educação a Distância e Assuntos Académicos da Universidade de Cabo Verde. Licenciada em História pela Universidade de Coimbra e doutora em Ciências da Educação (especialidade em História da Educação) pela Universidade de Lisboa, é também Mestra nessa especialidade pela mesma universidade e Diploma de Estudos Avançados [mestrado] em Teoria e História da Educação pela Universidade de Santiago de Compostela.

Entre as suas últimas publicações encontram-se “A retórica da educação integral e a estética da juventude em contexto colonial” (Limiares críticos da educação contemporânea, 2010), “Do Magistério Primário ao Instituto Pedagógico de Cabo Verde: Mudam-se currículos, os tempos e as vontades…” (O tempo na escola, 2008), A construção social do discurso educativo em Cabo Verde (1911-1926): Um contributo para a história da educação (2007), A memória educativa no Cabo Verde Boletim (2006), “Saberes, representações e práticas: a escola cabo-verdiana, inícios da centúria passada” (Revista de Estudos Cabo-verdianos, 2007: 59-72), “Cape Verdian Pedagogical Virtual Museum” (2007), “Avaliação da aprendizagem na imprensa cabo-verdiana” (Revista Contacto, 1, 2006: 125-136), “Para uma história da educação colonial (recensão crítica)” (Revista Contacto, 2, 2006: 149-162).

Professor Doutor Xerardo Pereiro Pérez
Departamento de Economia, Sociologia e Gestão
Escola de Ciências Humanas e Sociais
Universidade de Tras-os-Montes e Alto Douro (UTAD – Pólo de Chaves)
(Portugal)
Xerardo Pereiro Pérez (Vigo, ) é “doutor europeu” em Antropologia Sociocultural pela Universidade de Santiago de Compostela. Foi investigador visitante nos departamentos de antropologia da Universidade Complutense de Madrid, na de Milão, ISCTE (Lisboa) e na de Edimburgo. Foi docente de antropologia urbana na Universidade Fernando Pessoa (Porto) e actualmente é professor de antropologia e turismo cultural no campus de Chaves da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD). É investigador efectivo do CETRAD (Centro de Estudos Transdisciplinares para o Desenvolvimento) e membro do Departamento de Economia, Sociologia e Gestão da UTAD. Foi coordenador da licenciatura em Antropologia Aplicada da UTAD, prémio Vicente Risco de Ciências Sociais 1994, prémio FITUR 2007 e prémio National Geographic Society 2007 (junto com Cebaldo de León), entre outras distinções. Foi docente convidado da Universidade de Vigo, da Universidade da Corunha, da Universidade Pablo Olavide (Sevilha) e da Universidade de Panamá. As suas linhas de pesquisa são as relações rural-urbanas, o património cultural e o turismo. Tem realizado trabalho de campo antropológico em Astúrias, Galiza, Norte de Portugal e Panamá.
Currículo
Professora Doutora Vanda Anastácio
Departamento de Literaturas Românicas
Faculdade de Letras
Universidade de Lisboa
(Portugal)
Vanda Anastácio é Professora Associada da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Tem colaborado com diversos Centros de Investigação da Universidade de Lisboa (Centro de Estudos Clássicos), da Universidade Nova (CESNOVA) e da Universidade de Coimbra (Centro de Estudos Camonianos). Integra a equipa que prepara a edição crítica da correspondência e da obra da Marquesa de Alorna com o apoio da Fundação das Casas de Fronteira e de Alorna. Realizou edições críticas de autores portugueses dos séculos XVI a XVIII. Entre as obras publicadas contam-se Visões de Glória (Uma introdução à Poesia de Pêro de Andrade Caminha) (2 vols., 1998), a edição e estudo de uma obra do Cavaleiro de Oliveira (Viagem à Ilha do Amor, 2001), as Obras de Francisco Joaquim Bingre, em 6 volumes (2000-2005) o Teatro Completo de Camões (2005). É responsável pela edição da correspondência trocada entre a Marquesa de Alorna e a Condessa do Vimieiro durante o período em que aquela esteve encerrada no mosteiro de Chelas (Cartas de Lília e Tirse (1771-1777), 2007). Coordenou o volume colectivo intitulado Correspondências (usos da carta no século XVIII) (2005). Publicou no Brasil Os Sonetos da Marquesa de Alorna em 2008 e em Portugal a colectânea de ensaios A Marquesa de Alorna (1750-1839). Estudos (2009).
Currículo
Professora Doutora Maria das Dores Guerreiro
Departamento de Sociologia
Centro de Investigação e Estudos em Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa (IUL - ISCTE)
(Portugal)
Maria das Dores Guerreiro é Doutora em Sociologia pelo ISCTE, onde na atualidade exerce, entre outras, as responsabilidades de Vice-Directora do Departamento de Sociologia, Coordenadora do Ciclo Internacional de Conferências do Doutoramento em Sociologia, Coordenadora executiva da Cátedra Brasil-Portugal em Ciências Sociais e directora da Revista Sociologia, Problemas e Práticas.
As suas principais áreas científicas de investigação são a Sociologia da Família, a Família e o Trabalho, o Género, as Gerações, as Empresas Familiares, os Modos de Vida e as Políticas Públicas. Entre as suas publicações mais recentes citamos:
- Guerreiro, Maria das Dores e Rui Pena Pires (org.) (2010), Conferências da Cátedra Brasil-Portugal em Ciências Sociais, Lisboa, ISCTE-IUL/UNICAMP.
- Dornelas, Antonio, Luisa Oliveira, Luisa Veloso e Maria das Dores Guerreiro (2010), Portugal Invisível, Lisboa, Editora Mundos Sociais.
- Guerreiro, Maria das Dores, Frederico Cantante e Margarida Barroso (2010), "O abandono escolar precoce e suas implicações nos percursos profissionais dos jovens", in Carmo, Renato - Miguel do (org.), Desigualdades Sociais 2010. Estudos e Indicadores, Lisboa, Editora Mundos Sociais, pp. 153-164
- Costa, António Firmino da e Maria das Dores Guerreiro (2010), "Sistemas de trabalho e identidades culturais operárias", in Pimentel, Duarte, António Amaral, Jorge Gomes e Rui Meireles (orgs.), Empresa e Identidades profissionais: Algumas Narrativas Portuguesas, Lisboa, Argusnauta, pp. 37-56.
Currículo
Professor Doutor Antón Corbacho Quintela
Grupo Galabra (USC - Galiza)
Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras
Faculdade de Letras
Universidade Federal de Goiás
(Brasil)
Antón Corbacho Quintela (Vigo, 1973) é Doutor em Filologia Galega (2009) pela Universidade de Santiago de Compostela (tese: A aculturação e os galegos do Brasil: o vazio galeguista). É colaborador externo do Grupo de Pesquisa GALABRA da Universidade de Santiago de Compostela. Leciona as disciplinas relativas às literaturas de língua espanhola na Universidade Federal de Goiás/ UFG (Brasil), em cuja Faculdade de Letras é professor Adjunto I. A sua produção bibliográfica tem como alvos a ação cultural dos imigrantes galegos no Brasil, o campo da cultura no Estado de Goiás e a recepção, no Brasil, da literatura em língua espanhola. Atualmente é o editor da Revista UFG e o coordenador do Centro de Línguas da UFG.
Currículo
Professora Doutora Graziella Moraes Dias da Silva
Núcleo Interdisciplinar de Pesquisas sobre Desigualdade
Universidade Federal do Rio de Janeiro
(Brasil)
Graziella Moraes Dias da Silva é professora adjunta de Sociologia e pesquisadora associada do Núcleo Interdiciplinar de Estudos sobre Desigualdade (NIED) da UFRJ. Ela tem graduação em ciências sociais e Doutorado em Sociologia pela Universidade de Harvard (2010). Sua pesquisa de doutorado comparou as experiências e percepções de profissionais negros no Brasil e na África do Sul. Seus projetos recentes incluem um estudo comparativo das percepções de elites brasileiras e sul-africanas sobre desigualdade e pobreza, um survey sobre as dinâmicas étnicas e raciais na América Latina (em parceria com Edward Telles da Universidade de Princeton, e Marcelo Paixão da UFRJ), e uma pesquisa sobre o desenvolvimento das ONGs no Brasil (em parceria com o Cebrap e o IPEA).
Currículo
Professor Doutor Márcio Ricardo Coelho Muniz
Universidade Estadual de Feira de Santana
Universidade Federal da Bahia
(Brasil)
Márcio Ricardo Coelho Muniz possui Graduação em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1989), mestrado em Letras (Literatura Portuguesa) pela Universidade de São Paulo (1997) e doutorado em Letras (Literatura Portuguesa) pela Universidade de São Paulo (2003). Atualmente cursa o Bacharelado/Graduação em História, na Universidade Federal da Bahia. É Professor Adjunto 1 de Literatura Portuguesa da Universidade Federal da Bahia - UFBA, desde outubro de 2008. Foi, entre 2004 e 2008, Professor Concursado Doutor Adjunto B da Universidade Estadual de Feira de Santana - UEFS -, onde continua atuando no Programa de Pós-Graduação em Literatura e Diversidade Cultural, como Professor Colaborador, ministrando disciplinas e orientando dissertações de Mestrados. É também Professor Colaborador na Curso de Especialização em Literatura e Linguística da Universidade do Estado da Bhaia - UNEB - Campus Euclides da Cunha. Tem experiência na área de Letras, com ênfase na Literatura Portuguesa. Pesquisa nas áreas da Literatura Medieval e Renascentista Portuguesa, com estudos sobre a Lírica Trovadoresca Galego-Portuguesa, Prosa Didática da Casa de Avis e o Teatro de Gil Vicente, neste último investigando suas fontes medievais e suas relações com outros dramaturgos da língua portuguesa. Sua pesquisa "Presença do Teatro Ibérico na Dramaturgia do Nordeste" recebeu auxílio do Edital Universal/2006 do CNPq. A partir de 2007, faz parte do Banco de Avaliadores de Curso Superior (Graduação), do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES), órgão ligado ao INEP-MEC .
Currículo

Professor Doutor Mihai Iacob

Catedra de Lingvistică Romanică, Limbi şi Literaturi Iberoromanice

Facultatea de Limbi şi Literaturi Străine

Universitatea din Bucureşti

(Roménia)

Mihai Iacob (Deva, Roménia, 1968) é professor titular no departamento de Linguística Românica, Línguas e Literaturas Iberorromânicas da Universidade de Bucareste e doutorado em Filologia pela mesma universidade, com uma tese intitulada Significado y funciones del paratexto en los códices de las “Cantigas de Santa Maria” de Alfonso X el Sábio (Bucareste, 2002). É investigador colaborador no projeto de investigação Tradução & Paratraduçao da Universidade de Vigo e realizou várias estadias docentes e de investigação nas universidades de Salamanca, Vigo e no Centro “Ramón Piñeiro” para a Investigação em Humanidades de Santiago de Compostela. As suas áreas de interesse, refletidas tanto nas suas conferências, comunicações em congressos internacionais e publicações como no seu labor docente, são a argumentação política, publicitária e literária, o paratexto e o marketing editorial, a literatura e o cinema, a narrativa pós-moderna e a narração icónico-verbal (pintura, miniaturas e banda desenhada).

Currículo

conselho científico

 

  • Professor Doutor Elias J. Torres Feijó, Grupo Galabra, Departamento de Filologia Galega, Faculdade de Filologia, Universidade de Santiago de Compostela (Galiza)

  • Professor Doutor José Luís Rodríguez, Departamento de Filologia Galega, Faculdade de Filologia, Universidade de Santiago de Compostela (Galiza)

  • Professora Doutora Isabel Morán Cabanas, Departamento de Filologia Galega, Faculdade de Filologia, Universidade de Santiago de Compostela (Galiza)

  • Professor Doutor José António Souto Cabo, Departamento de Filologia Galega, Faculdade de Filologia, Universidade de Santiago de Compostela (Galiza)

  • Professor Doutor Arturo Casas Vales, Departamento de Literatura Espanhola, Teoria da Literatura e Linguística Geral, Faculdade de Filologia, Universidade de Santiago de Compostela (Galiza)

  • Professor Doutor Marcial Gondar Portasany, Departamento de Filosofia e Antropologia Social, Faculdade de Filosofia, Universidade de Santiago de Compostela (Galiza)

  • Professor Doutor Francisco Salinas Portugal, Departamento de Galego-Português, Francês e Linguística, Faculdade de Filologia, Universidade da Corunha (Galiza)

  • Professor Doutor Celso Álvarez Cáccamo, Departamento de Galego-Português, Francês e Linguística, Faculdade de Filologia, Universidade da Corunha (Galiza)

  • Professor Doutor José-Martinho Montero Santalha, Departamento de Didáticas Especiais, Faculdade de Ciências da Educação, Universidade de Vigo (Galiza)

  • Professor Doutor Carlos Garrido, Departamento de Tradução e Linguística, Faculdade de Filologia e Tradução, Universidade de Vigo (Galiza)

  • Professor Doutor Álvaro Iriarte Sanromán, Grupo Galabra-USC, Departamento de Estudos Portugueses e Lusófonos, Instituto de Letras e Ciências Humanas, Universidade do Minho, Braga (Portugal)

  • Professor Doutor Carlos Costa Assunção, Departamento de Letras, Universidade de Tras-os-Montes e Alto Douro (UTAD – Pólo de Chaves) (Portugal)

  • Professora Doutora Teresa Almeida, Departamento de Línguas, Culturas e Literaturas, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa (Portugal)

  • Professora Doutora Inocência Mata, Departamento de Língua e Cultura Portuguesa, Centro de Estudos Comparatistas, Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa (Portugal)

  • Professor Doutor António Firmino da Costa, Departamento de Sociologia, Centro de Investigação e Estudos em Sociologia, Instituto Universitário de Lisboa (IUL - ISCTE) (Portugal)

  • Professora Doutora Gilda da Conceição Santos, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Real Gabinete Português de Leitura (Brasil)
  • Professor Doutor Júlio Barreto Rocha, Departamento de Línguas Vernáculas, Universidade Federal de Rondônia (Brasil)

  • Professora Doutora Yara Frateschi Vieira, Departamento de Teoria Literária, Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas (Brasil)

  • Professor Doutor Raul Antelo, Centro de Comunicação e Expressão, Departamento de Língua e Literatura Vernáculas, Universidade Federal de Santa Catarina (Brasil)

  • Professora Doutora Teresa Crus e Silva, Centro de Estudos Africanos, Faculdade de Letras e Ciências Sociais, Universidade Eduardo Mondlane (Moçambique)
  • Professor Doutor Onésimo Teotónio de Almeida, Departamento de Estudos Portugueses e Brasileiros, Wayland Collegium for Liberal Learning, Brown University (EUA)

  • Professor Doutor Tobias Brandenberger, Seminar für Romanische Philologie, Universität Göttingen (Alemanha)

  • Professor Doutor Carlos Taibo Arias, Departamento de Ciencias Políticas y Relaciones Internacionales, Universidad Autónoma de Madrid (Espanha)

Fai parte do grupo de investigaçom GALABRA —de Estudos nos Sistemas Culturais Galego-Luso-Brasileiro e Africanos de Língua Portuguesa— con centro na USC, onde integra o projeto «Fabricação e Socioalização de Ideias num Sistema Emergente durante um Período de Mudança Política (Galiza 1968-1982)». Publicou resultados deste projeto em forma de capítulos de livros, artigos em revistas e comunicações em congressos internacionais, enquadrando-se aqui também a sua tese de doutoramento, intitulada O Processo de Construçom do Sistema Literário Galego entre o Franquismo e a Transiçom (1974-1978): Margens, relaçons, estrutura e estratégias de planificaçom cultural (USC, 2010).

Currículo

ficha

Agália. Revista de Estudos na Cultura

ISSN: 1130-3557.
Depósito Legal: C-250 - 1985 (versão impressa)
Edita:
Associaçom Galega da Língua (AGAL)
URL:
http://www.agalia.net
endereço-eletrónico: revista
@agalia.net
endereço postal:
R/ Santa Clara nº 21, 15704 Santiago de Compostela (Galiza)
Periodicidade Semestral (números em junho e dezembro)
Diretores: Roberto Samartim e Felisa R. Prado
Indexada nas bases de dados de dialnet e da CAPES

 

 

direção

conselho de redação

conselho científico